Método GTD, ultima etapa, fase de executar. Veja como funciona essa ultima etapa

Em 09.01.2017   Arquivado em Agendas, Informação, Organização

Hoje vamos conversar sobre a ultima etapa do método GTD, vamos colocar em pratica, executar o que planejamos, mas antes de sair falando sobre esse assunto, veja abaixo todos os artigos dessa serie:

Método GTD

Método GTD, fase da coleta

Método GTD, fase do processamento

Método GTD, fase da organização

Método GTD, fase da revisão

Antes de tentar entender essa fase, é bom começar desde o começo e ir fazendo aos poucos, mas para quem já fez todas as fases, vamos começar a colocar a mão na massa.

Fase de execução no método GTD, colocando a mão na massa

Quem já chegou até aqui fez todas as outras fases, da coleta, processamento, organização e revisão, sabe quais são os compromissos e tarefas que precisa fazer e ainda o nível de importância de cada uma, por exemplo, você sabe o que é importante para ser feito hoje e o que pode deixar para semana que vem, isso ajuda a colocar prioridades e facilita na sua organização e desempenho no seu dia a dia.

Método GTD, ultima etapa, fase de executar

Método GTD, ultima etapa, fase de executar

Nessa fase de executar David Allen definiu 4 critérios que vão ajudar no processo de escolha:

1 – Contexto
2 – Tempo disponível
3 – Energia disponível
4 – Prioridade

Você tem 50 tarefas para fazer, que formam definidas nas etapas, é muita coisa, para determinar o que vai ser feito naquele dia ou semana, é preciso seguir esses quatro critérios.

 – No primeiro item, que é o contexto é necessário analisar se aonde está pode fazer aquela tarefa, por exemplo, você está no trabalho e tem tarefas da casa, não adianta, aquilo vai ser deixado para depois, tem que realizar apenas coisas que possa fazer no seu local de trabalho.

 – No segundo item, o tempo disponível, é preciso achar uma atividade que encaixe no tempo que tem, por exemplo, você tem 30 minutos antes de sair para almoçar, faça algo que vai terminar nesses 30 minutos, não adianta pegar uma atividade 1 hora, não vai dar tempo.

 – No terceiro item, energia disponível, é necessário ver se está mentalmente e fisicamente pronta para fazer determinadas etapas, isso porque, não adianta pegar uma atividade e fazer desanimada e tudo errado, mesmo que tenha contexto e tempo disponível, se não estiver energia disponível vai fazer e depois ter que refazer, então procure algo mais simples e que não vai cansar muito.

 – No ultimo item encontramos a prioridade, precisamos ver o que é prioridade no meu dia ou semana, se todos os itens acima estão corretos, tem contexto, tempo e está com a energia disponível, veja agora o que é prioridade, por exemplo, estamos no escritório do trabalho, tem que ligar para um fornecedor pois não tem caneta para a próxima semana ou então conversar com o chefe sobre um projeto que está trabalhando, a prioridade é conversar com o chefe, já que todos os itens anteriores estão ok e a caneta pode esperar até semana que vem, conversar com o chefe é a melhor opção.

O método GTD é para organizar sua vida e ainda ajudar nos seus planejamentos, claro que quando começar vai ser complicado seguir fielmente ele, porem aos poucos vai se adaptando, depois dele pronto e com as tarefas já agendadas para serem executadas, é sempre bom dar uma revisada nele na vezes, afinal itens para colocar na sua caixa de entrada pode aparecer todo dia ou semana, e quando aparecer faça o mesmo processo com ele, mesmo que seja um, assim vai organizando tudo e ao longo dos dias vai percebendo que sua rotina vai ficando mais simples.

Gostaram desse método GTD? Caso tenha duvidas ou queira que fale de algo mais um pouco em particular só deixar suas perguntas e duvidas nos comentários. Beijos ^^.